Ex-presidiária agradece Kim Kardashian por libertá-la

Ex-presidiaria agradece Kim Kardashian por liberta-la

Na última quarta-feira (6), Alice Marie Johnson foi liberada da prisão após pedido de isenção da pena feito por Kim Kardashian ser atendido. Como forma de gratidão, a ex-presidiária liberou um comunicado enaltecendo a socialite e seus atos, o texto foi divulgado pelo TMZ.

“A Kim foi essencial para que eu fosse libertada, se ela não tivesse apresentado as evidências da minha reabilitação isso não teria ocorrido. ”, disse Johnson ao site. “Eu estou pronta e preparada para trabalhar com ela em uma reforma do nosso sistema penal e judiciário. Eu a amo, assim como a minha família e quero dar força para que ela continue fazendo seu trabalho”, afirmou.

Alice Marie Johnson (63) foi condenada em 1996 a prisão perpétua, por oito acusações relacionadas ao consumo e tráfico de drogas.

Antes da pena ser revista, a ex-presidiária havia escrito uma carta agradecendo Kim por tentar ajudar onde dizia admirar a coragem dela.

“Eu acredito que a história vai deixar registrado que Kim Kardashian teve a coragem de se posicionar contra a injustiça humana foi figura chave para que uma reforma na justiça criminal torne-se realidade. Um trilhão de obrigados”, escreveu Alice.

Em tweet, Kim Kardashian declarou que sua conversa por telefone com Alice Marie foi uma das coisas mais emocionantes já vivida.

"O telefonema que acabou de acontecer com a Alice, vai ser pra sempre uma das minhas melhores memórias. Conversando com ela pela primeira vez e ouvindo ela gritar, enquanto chorávamos juntas é um dos momentos que nunca mais esquecerei", desabafou a socialite.

Durante a conversa entre Kim Kardashian e Donald Trump, disse que ele estava usando a boa imagem da socialite, e ela foi chamada de ingênua. Em entrevista a CNN ela respondeu a tais alegações.

“Eu já estava trabalhando nisso, não acho que fui usada. No final das contas, ele me ouviu e realizamos o nosso trabalho. Como ele poderia ter me usado?”, questionou Kim Kardashian.